segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Versos Vagos

O inexplicável é algo que vive em nós. Hoje tenho sede de tua boca, e uma insensata saudade de tua voz. Já; a tua essência se agita, numa vontade indistinta entre o desejo e o amor.
E, em relação ao que somos, supomos,ou pretensamente queremos ... Deixemos ser, o que cada um quer ver em sua própria ilusão.
Então nesses  versos  vagos ,por afagoso que sou;  te falo mais que de amor, vou além de pressentir, chego onde não estou, que é pra estar perto de ti.

3 comentários:

Davi disse...

bravo!!!
lindo isso, homem! cheguei a me arrepiar no fim! és mesmo um mestre!

Vivian disse...

...o amor de verdade faz com que
nos anulemos para caber o outro.

acho que você entendeu, né?

rsrs

bjbjbj

A. disse...

Há sempre algo de inexplicável naquilo que somos e queremos. A essência do querer amar, das saudades, do querer estar perto.
Mais palavras para quê? O texto diz tudo. Beijo*